Como utilizar a tecnologia RFID ?

  • 0

Como utilizar a tecnologia RFID ?

Categoria: Gestão Empresarial

rfid_tag_crop-660x293

Como utilizar a tecnologia RFID ?

A tecnologia de RFID moderniza a empresa?

Imagine um fabricante de produtos eletrônicos saber onde e quantos produtos estavam estocados em seus centros de distribuição?

Muitas empresas não conseguem fazer um inventário completo do estoque. Quando necessário, realizava uma contagem manual e sempre encontra erros.

Muitas vezes algumas peças são dadas como vendidas – ou pior, perdidas – e, tempos depois, encontradas em alguma prateleira. Produções bastante diversificadas encontram muitas dificuldades no seu controle.

Se deseja rastrear peças  dentro da empresa com eficiência e segurança, sugerimos investir em um projeto de Radio Frequency Identification (RFID), tecnologia que permite identificar e rastrear objetos por meio de sinais de radiofrequência emitidos por etiquetas eletrônicas (ou chips) e captados por leitores.

A empresa pode implantar a tecnologia em fases, por linha de produto. Dividindo o projeto em três partes: software, etiquetas e equipamento de leitura. “O software recebe as informações das etiquetas e as envia para o nosso ERP CorpEmpresarial”, diz Jobe de Lima, referindo-se ao sistema de gestão empresarial. “Essa integração entre o sistema, que pensam ser a etapa mais complicada, é a mais simples”, afirma. Deve-se se atentar para encontrar as etiquetas certas para cada linha ou tipo de produto.

Com o RFID são necessários apenas alguns segundos para contar milhares de itens. A contagem manual apresenta erros, enquanto a do RFID é precisa. Você ganha produtividade e confiabilidade nos inventários.

Outro benefício da tecnologia está no fato de que cada etiqueta eletrônica carrega o número de série do produto. Se houver 10 mil itens em estoque, teremos 10 mil números de série diferentes para saber onde cada uma está posicionada. Assim, se a mesma etiqueta for passada no leitor duas ou mais vezes, a contagem continuará exata, porque o leitor contabilizará apenas um produto.

O RFID rastreia e controla a utilização de matéria-prima e otimiza o estoque. Ninguém precisa avisar que está na hora de comprar determinado insumo porque essa informação vai automaticamente para o ERP CorpEmpresarial da Corpsystem.

O próximo passo é fazer um portal móvel de leitura que possa identificar todos os produtos de um pallet de uma única vez. A empresa também pode expandir os benefícios do sistema de identificação para que os clientes também façam o rastreamento automático dos produtos, com informações sobre data de validade e de manutenção preventiva.

O custo desta tecnologia baixou, é possível comprar etiquetas atualmente a 0,05 centavos de real. Há quatro anos, custavam 0,55 centavos, em média. Outra revolução aconteceu na eficiência da leitura de dados. E com a chegada de novos chips e versões de leitores, surgiram novas aplicações. Para embalagens úmidas, por exemplo, a tecnologia era ineficiente. Agora já não é mais problema.

Muitas empresas estão descobrindo outras funcionalidades da tecnologia RFID que não tinham considerado quando começaram a analisar o retorno sobre investimento (ROI) do projeto. Elas procuram RFID porque precisam de uma solução rápida e confiável para fazer a contagem de produtos, mas acabam encontrando muito mais benefícios, como por exemplo verificar se um profissional está adentrando ou acessando um local com equipamentos de segurança fora da validade ou das especificações necessárias.

Veja outros exemplos: por “RFID Journal LLC”.

 

Conte com a CORPSYSTEM, uma parceira que ao longo dos anos acumulou conhecimentos e experiências nos diversos casos de sucesso que revolucionaram o mercado em todo território nacional, propiciando aos clientes retorno financeiro, oferecendo controle total no gerenciamento da empresa, evitando desperdícios, aumentando os controles e agilidade para obter maior lucratividade.

 


Deixe seu comentário